Serviços

Implementação de Normas ISO

Para fazer a inovação acontecer, as empresas precisam de um sistema de gestão capaz de transformar ideias em resultados. Para isso, a PALAS oferece a implementação de normas ISO. Fomos pioneiros na implementação da ISO 56.002 na América Latina, que contém as diretrizes fundamentais para a gestão da inovação.

ISO 56.002 (Inovação)

Implementação e certificação de um sistema de gestão voltado para a inovação e seus respectivos valores/princípios. Destinada a todas as empresas, independentemente de porte ou segmento, essa norma estimula a criação de novos produtos e mercados a partir do gerenciamento de insights tanto do público interno quanto externo, visando a entrada em novos mercados e com maior valor agregado.

ISO 9.001 (Qualidade)

Implementação e certificação de um sistema de gestão voltado para a qualidade dos produtos e serviços e com foco na satisfação do cliente. Pode ser aplicada em diversos tipos de organização, como indústrias, serviços, instituições, entre outros. Tem como objetivo orientar a implantação de sistemas de qualidade nas organizações.

ISO 14.001 (Ambiental)

Implementação e certificação de um sistema de gestão voltado para as questões ambientais da empresa e com foco na mitigação dos impactos ambientais que a empresa pode causar. É aplicável a qualquer tipo de organização que tem por objetivo obter um desempenho ambiental correto.

ISO 45.001 (Saúde e Segurança)

Implementação e certificação de um sistema de gestão voltado para a área de saúde ocupacional da empresa, com foco na eliminação dos riscos e perigos ocupacionais. Ela surge como uma solução acessível para indústrias, empresas de serviço e comércio, independentemente do porte.

ISO 26.000 (Responsabilidade Social)

Trata-se de conjunto de práticas e iniciativas das organizações que tem como objetivo a criação e a maximização dos seus impactos positivos e a redução ou eliminação dos seus impactos negativos, para além do cumprimento do quadro legal. Esta responsabilidade se manifesta na relação com partes interessadas que são afetadas pela organização, como colaboradores e comunidades.

ISO 19.600 (Compliance)

Em meio a tantos escândalos de corrupção, o principal objetivo dessa norma é apoiar as organizações a combater o suborno por meio de uma cultura de integridade, transparência e conformidade. São implementados controles internos a fim de manter a eficiência dos negócios com base nas instruções dos mais variados órgãos reguladores nacionais e internacionais para a gestão de compliance.

ISO 31.000 (Risco)

Conhecida como a norma de gerenciamento de riscos, ela oferece diretrizes, princípios, estrutura e um processo para gerenciá-los. Aplica-se com a adoção de melhores práticas de infraestrutura, políticas e metodologias, permitindo uma melhor gestão dos limites de risco aceitáveis, do capital, da precificação e do gerenciamento da carteira.

ISO 37.001 (Anti-suborno)

No contexto atual das organizações e do mercado, onde o tema corrupção e suborno são tão frequentes, a ISO 37.001 surge como uma alternativa real de combate a estas causas. São implementados controles e métricas a fim de combater a ocorrência de subornos em toda a cadeia organizacional.

ISO 22.301 (Continuidade de negócios)

A gestão de continuidade de negócios lida com a incorporação de medidas que garantam o funcionamento de processos críticos em caso de rupturas nas práticas de gestão de uma organização, como é o caso de desastres, crises de diversas magnitudes, além de sucessão.

Ficou interessado? 
Então clique no botão abaixo e fale conosco agora mesmo!

FAÇA O DOWNLOAD
DO E-BOOK DA ISO DE INOVAÇÃO

Iniciar Conversa
Fale conosco!
Fale conosco!